Um terço das empresas já aderiu aos treinamentos online - Monitor da Educação Corporativa
Um terço das empresas já aderiu aos treinamentos online
Pesquisa do CGI.br também aponta que o setor mais entusiasmado com cursos do tipo é o de informação e comunicação
Um terço das empresas investem em treinamentos online
Pesquisa indica que centro-oeste é região que mais utiliza treinamentos online (Foto: Heloisa Ballarini - Secom - PMSP)
1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (1 votes, average: 5,00 out of 5)
Loading...Loading...
20 - out - 2014
0 Flares 0 Flares ×

A necessidade de capacitar funcionários e o pouco tempo livre para isso está fazendo com que as empresas brasileiras busquem suprir os treinamentos com a ajuda do computador. Uma em cada três empresas investe em cursos a distancia para formar seus funcionários, segundo a pesquisa TIC Domicílios e Empresas, feita pelo Comitê Gestor da Internet no Brasil (CGI.br), divulgada neste mês. De acordo com a pesquisa, 32% das empresas utilizam o computador para dar treinamento aos funcionários. Entre as que optam por esse tipo de estratégia, as que possuem mais de 250 funcionários são a maioria, com 58%. Já no recorte por região, as empresas do Centro-Oeste são as mais empenhadas em capacitar seus profissionais com o uso da rede de computadores.

Avaliando separadamente o tipo de empresa, a pesquisa concluiu que as da categoria “Informação de comunicação” são as que mais investem em treinamento online (53% delas), seguidas pela categoria das empresas de “Atividades imobiliárias; atividades profissionais, científicas e técnicas; atividades administrativas e serviços complementares” (50% delas informaram utilizar treinamentos online).

O estudo da TIC verificou também que a internet está presente em 96% das empresas brasileiras, praticamente universalizado, o que facilita para que os treinamentos possam ser feitos pelo profissional também durante o horário de trabalho. Segundo Alexandre Barbosa, gerente do Centro Regional de Estudos para o Desenvolvimento da Sociedade da Informação (CETIC.br), um dos responsáveis pelo estudo, essa amplitude demonstra a maior facilidade hoje para que a informação chegue igualmente a todos no país. Esse contexto pode ajudar a explicar os bons números da região Centro-Oeste no que se refere ao do treinamento online.

Apesar disso, em sua apresentação durante o lançamento da pesquisa, Barbosa apontou, no contexto geral do uso da internet, alguns destaques dos indicadores das pesquisas TIC Domicílios e Empresas, entre eles, a permanência das desigualdades regionais e sociais em relação ao acesso e uso da Internet no Brasil pelos domicílios. Apesar disso, hoje, 85% da população brasileira utiliza telefones celulares, o que equivale a 143 milhões de pessoas e confirma o crescimento do acesso à Internet por meio dos dispositivos móveis.

Para Eduardo Alves, diretor do Instituto Monitor, a primeira instituição do país em atividade a ministrar cursos profissionalizantes a distância, esse tipo de investimento é lucrativo para as empresas porque permite que o funcionário estude de forma a administrar melhor o seu tempo, sem impor cargas horárias exaustivas. “O ganho para empresa é muito grande. Você tem um custo menor para aplicação e a possibilidade de fazer esse curso de qualquer lugar, incluindo apenas encontros pontuais”, diz.

Leia os indicadores da pesquisa TIC Empresas aqui.

(Por Paula Cabrera, com informações da Redação e do CGI.br)

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 0 Flares ×
Nenhum Comentário

Comentários

Deixe um comentário

Adcionar o comentário para esse post

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 0 Flares ×